Nosso oitavo dia de viagem começou com 50 kg de mochilas nas costas (calma, esse peso para o total de três pessoas, ufa!) saindo de Zurique em direção a Lucerna, onde tivemos que armar a nossa barraca! Nossa experiência com campings tinha sido meio gelada nas primeiras noites e depois descobrimos o porquê: faltou o colchãozinho térmico! Gente como faz diferença 200g de isolante térmico nas suas costas!!!

calor_nos_alpes_lucerne4

Colchõezinhos a postos, rumamos até o Camping LIDO, um lugar bem conveniente para ficar em Lucerna, pela proximidade do centro da cidade e da estação de trens. Fica a somente 10 minutos do centro (usando o transporte público), bem ao lado do Museu de Transportes de Lucerne, um lugar super legal para visitar, principalmente para quem tem filhos pequenos.

Desta vez éramos 3 mochileiros juntos (e mais o Fred, que virou nosso companheiro de viagem), o que facilitou pra caramba a montagem da barraca! Nós três fizemos a força tarefa sem muita demora e em alguns minutos já estávamos prontos para passear por Lucerna e arreadores! Resolvemos sair para conhecer o lado mais natural do Monte Pilatus, a poucos minutos do centro de Lucerna.

Pilatus é conhecida por ser a montanha dos dragões, tem um bondinho que leva até o topo dela, mas o que mais me chamava a atenção era chegar até a parada Fräkmuntegg, onde há um parque de arborismo e um tobogã gigante (o maior da Suíça, o Fräkigaudi)) que desce 1350m e só funciona entre Abril e Outubro! Mas não deu pra gente fazer o passeio desta vez porque… estava chovendo!  🙁 Por questões de segurança, o tobogã fecha quando está chovendo, então… não foi dessa vez! Mas ainda vamos voltar lá algum dia para fazer este passeio!!!

calor_nos_alpes_lucerne11

Daí a gente resolveu fazer uma trilha rápida entre Fräkmuntegg e Krienseregg, uma trilha bem fácil de 1h descendo! Esta é um trilha bem agradável de fazer, mesmo num dia nublado como o que a gente pegou. Tivemos sorte que não choveu durante o passeio, então deu pra fazer várias fotos lindas e conseguimos caminhar sem água, o que é uma maravilha para os trilheiros de plantão!

calor_nos_alpes_lucerne

Feita a trilha, a fome bateu e resolvemos descer o último pedaço do Pilatus de bondinho. Você pode escolher pagar o total de ida e volta ou somente a ida neste bondinho. A gente escolheu pagar ida e volta mesmo para chegar logo pro almoço!

Escolhemos comer no HollyCow, cadeia nacional de hambúrgueres grandões e de excelente qualidade, perfeito para um dia agitado como este.  Depois do almoço, ainda conseguimos fazer um passeio rápido de barco entre o centro de Lucerna e o nosso Camping, um trajeto de 15 minutos mas que valeu super a pena!

Chegando ao nosso camping, reparamos que havia um festival de música acontecendo! Coisas do verão Europeu! Este festival era o Funk am See, gratuito e que ocorre anualmente em Lucerna. Paramos só para dar uma olhada mesmo e entender o que estava acontecendo, mas a chuva começou a apertar e como a música não estava ainda muito boa, fomos direto para a barraca antes que o temporal aumentasse!

Dia incrível, com direito a muitas fotos sensacionais e uma certeza: mesmo com chuva, o verão é todo aquele sentimento lindo de #CalorNosAlpes !

Sobre a viagem #CalorNosAlpes

Esta viagem foi a primeira press trip patrocinada aqui do blog, um projeto que conseguiu vários parceiros e começou com uma simples pergunta: Será que a galera conhece as maravilhas do verão na Suíça?

Depois de algumas horas matutando a cabeça e conversando com várias pessoas, surgiu a ideia de fazer uma viagem completa pela Suíça durante o verão, para mostrar pra todo mundo o quanto pode ser fantástico passar férias de verão europeu por aqui. A viagem virou um livro, que pode ser comprado aqui na nossa loja virtual. O livro é um guia de turismo para a Suíça, repleto de imagens fantásticas e muita inspiração para que você também faça uma viagem perfeita pela Suíça!

Compre aqui: Calor Nos Alpes, o guia da Suíça no Verão