Eu sempre gostei de viajar, escrever e ajudar as pessoas a planejarem suas viagens com as minhas dicas. Isso sempre foi natural pra mim e viajar é quase parte do meu DNA, não posso viver sem. Quando a Ju Guimarães (amiga de longa data e fundadora do Eu Ando Pelo Mundo) me fez o convite para ser colaboradora aqui, o convite caiu com uma luva.

IV EEBB Paris

Mas junto com o convite para escrever no site, veio também o convite para encontrá-la em Paris e participar com ela do IV EEBB – IV Encontro Europeu de Blogueiros Brasileiros. Como eu não sou de negar nada, ainda menos em Paris e com a Ju, eu disse sim, fui e adorei! E agora conto para vocês como é cair de pára-quedas num encontro de blogueiros!

Paris, sempre Paris!

Paris é e sempre será Paris. Por mais que o tempo passe e você mude, a cidade continua ali, com seu charme, suas belezas e delícias. Não importa quantas vezes você já foi para Paris, o sabor do croissant será sempre mais especial lá, o cair da tarde sempre lindo e você irá buscar no horizonte, por mais piegas que seja, a Torre Eiffel.

IV EEBB Paris

Peguei um trem em Rotterdam e em 2 horas e meia estava desembarcando na Estação Nord da Cidade Luz. Uma viagem rápida, confortável, que, de quebra, ainda passou por Bruxelas e me fez sentir que o mundo é mesmo um ovo. Achei excelente a experiência de chegar em Paris de trem, já no centro da cidade e sem todo aquele estresse de embarque e desembarque de aeroporto. Fui diretamente para o hotel para deixar a mala e dar uma volta no bairro.

Chegando na Cidade Luz

Ao chegar no hotel, fui extremamente bem recebida. O Hotel Glasgow fica numa localização ótima, perto de várias linhas de metrô e ônibus e de lá você pode ir caminhando para a Torre Eiffel também. O bairro é um charme, mas esse assunto ainda vai render um outro post mais completo. Aguarde!

Enfim, a Ju Guimarães chegou e lá fomos nós para a primeira parada do encontro: a Torre Montparnasse.

Torre Montparnasse: Paris do alto!

Na nossa primeira parada eu cheguei tímida, não conhecia ninguém ali além da Ju. Fui me apresentando aos poucos e já criando as minhas afinidades. Eu estava animada com esse passeio, pois nunca havia subido na torre. Encontrar todos ali foi muito legal, mas mais especial ainda foi quando subimos a torre, que é o prédio mais alto de Paris.

A Torre de Montparnasse é tão alta, que você pode até sentir aquela pressão no ouvido, sabe? Eu senti. E antes de sair do elevador já não me continha de emoção pelo o que me esperava. Chegamos lá em cima e fomos super bem recebidos com boas vindas em português, além de champagne e macarons. Tudo já estava pra lá de bom, mas ai eu virei pro lado e não me contive.  A vista é simplesmente estonteante! Fazia frio, estava nublado, eu ainda cansada da viagem, pois havia acordado muito cedo. Mas olhar pro horizonte e ver Paris e todos os seus monumentos ali de cima era algo de tirar o fôlego. Percebi que havíamos começado bem a viagem e esse era o boost que eu precisava para me animar ainda mais para a programação que seguia.

IV EEBB Paris Montparnasse

Conhecendo melhor a vida de blogueira

Da incrível Torre Montparnasse fomos para o XO Hotel, onde iria acontecer o nosso coquetel de recepção. Pra mim foi onde a interação começou mesmo a se dar, regada a um excelente vinho francês, claro! Foi muito bom conhecer pessoas que vivem a vida viajando e fizeram disso suas profissões. Eu sempre tive uma impressão meio errada de blogueiros, que foi desmistificada ali. O que percebi é que todos os que estavam ali tinham amor profundo em dividir suas experiências de viagens com as pessoas. Tanto que grande parte deles também são guias nas cidades onde vivem.

Ali estavam pessoas que viviam nos mais diversos países europeus e eu fui descobrindo um pouquinho de cada um desses países pelos olhos de quem tá ali e entende de verdade. Isso pra mim é o que não tem preço numa viagem. Escutar sobre o lugar, saber sobre as curiosidades e cultura, viver o não-óbvio. Deu vontade de visitar todo mundo e espero que um dia eu consiga. Enfim, minha primeira barreira foi quebrada e eu estava finalmente entendendo que ali éramos todos farinha do mesmo saco: o que nos dá prazer é compartilhar a nossa felicidade!

IV EEBB PARISCréditos: Danielle Bispo / A bolonhesa

E falando em felicidade, a noite foi extremamente agradável, tanto que nem vimos o tempo passar. Tive a alegria de conhecer melhor a linda Ana, do blog Ana de Amsterdam, que divide o mesmo país comigo e foi muito legal escutar as percepções de alguém que já está há bem mais tempo do que eu na Holanda. Sem falar de todas as outras histórias e peripécias que escutei de tantos outros viajantes, como a Magê, do Milão nas Mãos, o Dani, do Dicas de Paris, a Rita, do O Porto Encanta, e tantos outros. A noite não podia terminar melhor e, apesar de cansada, só queria que chegasse logo o dia seguinte para continuar as minhas descobertas sobre essa nova vida!

IV EEBB PARISCréditos: Tina Wells / Londres pra Você

Pausa para um agradecimento

Antes de seguir para o segundo dia, eu preciso fazer uma pausa para agradecer à Martinha, do blog Viajoteca, que foi a grande organizadora do IV EEBB. Óbvio que fiquei encantada por ela e pela garra que ela teve para coordenar os parceiros e todos nós nesse fim de semana super especial. A Martinha coordenou tudo como uma grande maestra e não deixou a música parar nem nos momentos mais temerosos, como, por exemplo, quando um dos hotéis parceiros cancelou a sala que nos seria cedida para o evento 3 dias antes de chegarmos em Paris. Imediatamente ela conseguiu um outro local e fomos lindamente recebidos no Hotel de Sully, um monumento nacional ícone de Paris, ao lado da Praça de Voges, um dos meus lugares favoritos da cidade. Como já dizia o ditado, tem males que vem pra bem, né?

Conectadas sempre!

E é claro que para manter a galera conectada, nossa querida Martinha nos conseguiu uma parceria com o modem de bolso da Hippocketwifi. Cada um de nós recebemos um aparelhinho que nos permitiu estar conectados durante todo o fim de semana sem precisar comprar um chip local ou mudar a configuração do celular.

O modem é bem pequeno e potente, podendo emitir sinal wifi para até 10 aparelhos diferentes, e vem com um cabo para carregar. Eu guardava o meu na bolsa, praticamente não ocupava espaço e à noite o carregava.

Achei legal mencionar isso, porque pra quem é viciado em internet como eu, é uma dica ótima para usar numa viagem pela Europa, por exemplo. O preço varia por dia e quanto mais você fica com o aparelho, mais você economiza. Adorei!

Um dia para aprender

O segundo dia foi o dia das palestras. Um momento de troca de experiências, entender como funciona esse mercado e como torná-lo rentável sem prejudicar o nosso público. Eu, que venho do mundo da publicidade, confesso que me senti mais em casa ali e pude repassar várias das minhas experiências profissionais. A questão era que naquele momento eu estava ali do outro lado, deixei de ser um anunciante e virei um canal.

 

Foi muito interessante ver os diferentes pontos de vista e ver também como ainda tem gente que está muito mais por compartilhar a experiência do que para fazer rios de dinheiro. A verdade é que nesse segmento de viagens o valor está muito mais na experiência do que em qualquer outra coisa, e isso me agradou muito!

Se você ficou curioso para saber o que aprendemos lá, a pauta do dia foi a seguinte:

  • Como ganhar dinheiro com os Programas de Afiliados – Fernanda Souza do blog Preciso Viajar
  • Como os blogs potencializam o seu serviço – Cristina Rosa, do blog Sol de Barcelona e Magê, do blog Milão nas Mãos
  • Conexão entre blogueiros e agências de comunicação – Damaris Lago, da Agência AtitudeCom
  • Marketing Digital 2.0 – Julia Morales, do blog Nosso Armário
  • BLPM: Muito além de um blog colaborativo – Manaiara Araújo, Cris Pacino, Suzana Paquete e Juliane D’Amore do blog BLPM.

IV EEBB ParisE o suspense? Onde será o próximo EEBB?

A hora dos presentes

E é claro que teve aquele momento em que a gente trocou mimos de nossos países! Cada participante trouxe um presentinho de seu país e ali fizemos um sorteio, tipo um amigo secreto improvisado na hora, sabe? Foi muito divertido, ainda mais porque rolou aquela tensão, pois meu nome foi um dos últimos a sair eu já estava com medo de ficar sem presente! hahaha. Mas acabei tendo a sorte de ganhar o guia de Barcelona feito pela super expert na cidade, Cristina Rosa, do blog Sol de Barcelona. Não preciso nem dizer que saí de lá já me coçando pela próxima viagem, né?

Uma noite de Cabaret em Paris!

Após o dia de palestras, nessa mesma noite, fomos para o Paradis Latin, o mais antigo Cabaret de Paris. Num prédio antiguíssimo, que inclusive já foi até um dos edifícios da Sorbone, o Paradis Latin traz para seus clientes uma experiência de jantar e diversão com o show de cabaret que mistura o contemporâneo com o antigo. Eu já havia ido a Paris algumas vezes, mas nunca a um Cabaret e confesso que adorei! Bailarinos muito bem treinados em diversas técnicas, uma mistura de balé clássico, sapateado, malabarismo e dança contemporânea fizeram a noite. Sem falar no bom e velho Can-Can.

IV EEBB Paris

Tivemos a oportunidade de conhecer os bastidores, ver um pouco da preparação dos artistas e presenciar a casa cheia, com aproximadamente 640 pessoas de todas as nacionalidades. Foram algumas horas de muita emoção e atenção total. Eu, que amo dança, adorei cada segundo dessa experiência e fiquei com muita vontade de voltar mais vezes.

IV EEBB Paris

Sacre Coer, a queridinha de Paris

O domingo e último dia foi intenso, como já era de se esperar. Começamos o dia com um tour guiado pelo pessoal do França Entre Amigos, em Montmartre. Visitamos a basílica de Sacre Coer, que sempre me emociona. Pra mim esse é o ponto mais lindo de Paris e sempre será. Passear pelas ruelas do bairro e apreciar a sua arquitetura e delícias é um must do em Paris.

O dia era de sol, o que deixou o passeio ainda mais especial. À medida em que íamos subindo as ruelinhas de Montmartre, a basílica ia se mostrando adiante, com sua arquitetura delicada e, ao mesmo tempo, estonteante, ali em cima do morro, numa visão que sempre me tira o fôlego. Não preciso nem dizer que me senti nas nuvens ali, né?

Das delícias do Quartier Latin

Depois disso fomos correndo almoçar com um amigo meu de longa data, parisiense. Apenas eu e Ju Guimarães, no Quartier Latin, no delicioso restaurante Bouillon Racine. Se você planeja ir a Paris, não deixe de ir nesse restaurante. A comida é maravilhosa, você viverá uma típica experiência parisiense, num local que é a cara de Paris. Eu pedi uma sopa de abobrinha de entrada, paleta de cordeiro com feijão branco de prato principal e fechei o menu com o famoso e delicioso crême brullée. Tudo isso acompanhado pelo vinho da casa, que como um bom vinho francês, só te dá vontade de pedir mais.

 

IV EEBB Paris

Após aproveitar esse almoço delícia e matar as saudades do amigo, fomos andar pelo bairro. Não tem o que duvidar, o Quartier Latin é maravilhoso. Pena que não tivemos muito tempo, mas não deixe de se perder por lá com tempo e disposição, pois vale cada passo!

Rio Sena e Arco do Triunfo para fechar o dia

Nada mais romântico do que fechar o dia com o tour no Rio Sena, passando por todos os monumentos iluminados de Paris, não é? No nosso caso não foi romântico, mas foi divertido! 😛 Esse tour é um passeio de aproximadamente 1 hora que te leva para ver alguns dos principais monumentos da cidade pelo rio. Confesso que foi emocionante ver a cidade já descansando, mas com toda a sua imponência dali.

IV EEBB Paris

E pra finalizar a viagem, fizemos uma última subida no Arco do Triunfo para ver a Paris do alto à noite. Tentamos ver o pôr do sol de lá, mas devido a um evento que estava tendo ali, não conseguimos subir. Mas como tem males que vem para o bem,  acabamos fechando a noite e a nossa estadia com chave de ouro: uma vista noturna de uma das cidades mais lindas do mundo.

IV EEBB Paris

Não poderia ter uma maneira melhor de encerrar essa experiência incrível que foi estar mais uma vez com a Ju e curtir esse evento que adorei!

Quer saber mais?

Encontro Europeu de Blogueiros Brasileiros

Site oficial: https://eeblogueirosbrasileiros.wordpress.com/
Facebook: https://www.facebook.com/EEBBrasileiros
Instagram: https://www.instagram.com/eebbrasileiros/ 

Lista completa dos blogs participantes do IV EEBB em Paris:

Alemanha

Áustria

Espanha

França

Holanda

Inglaterra

Itália

Portugal

República Tcheca

Suíça