Buscando dicas de roteiro para uma viagem pelo Alasca? Pois aqui te passamos as melhores informações para uma rota de carro entre paisagens de tirar o fôlego! A Seward Highway já entrou para a lista das rodovias mais bonitas do mundo. Entre as rodovias dos Estados Unidos, a Seward Highway é sem dúvida um passeio fora do comum!

Com magníficas montanhas de um lado e o mar do Alasca do outro, a paisagem arranca suspiros de todos os turistas. Eu não acreditava na beleza desta rodovia, mas assim que começamos a viagem, fiquei sem palavras. E a cada parada que fazíamos, encontrávamos enfim uma nova surpresa! Vem comigo conhecer a Seward Highway e se encantar também por esta super viagem ao Alasca!

Leia também: Como fazer a mala para uma viagem ao Alasca?

Onde fica a Seward Highway no mapa?

A Seward Highway fica na região sul do Alasca, uma rodovia que liga a cidade de Anchorage à Seward, que fica na costa. A rodovia é super bem sinalizada e possui algumas paradas bem interessantes para avistar tanto a vida selvagem como a vida marinha!

São mais ou menos 200km de extensão, mas você vai levar o dia todo na rodovia. Isso porque cada parada requer pelo menos uns 40 minutos do seu tempo, para apreciar a paisagem com calma. Algumas paradas serão inevitavelmente mais longas que isso. Mas quais as melhores paradas da Seward Highway? Vamos lá que eu te conto!

1. Anchorage

Em primeiro lugar, comece por Anchorage, maior cidade desta região do Alasca. Se você chegar de avião por Anchorage, pegará o carro no centro de Anchorage ou no próprio aeroporto.

Clique aqui para saber mais sobre aluguel de carro nos Estados Unidos.

Nós pegamos o carro no centro, o que foi ótimo pois deu pra gente tomar um café da manhã mais local e já entrar no clima da viagem ao Alasca antes de pegar a estrada. Nós visitamos o Midnight Sun Cafe, lugarzinho tranquilo com comida gostosa, ou seja, bom ponto de partida para começar a viagem!

Midnight Sun Cafe Anchorage.

2. Potter Marsh Wildlife Viewing Boardwalk

Esta parada é muito interessante e acho que deve ser uma das paradas obrigatórias para todo mundo que faz a Seward Highway. Como o nome diz, é uma Boardwalk, ou seja, uma passarela de madeira no meio do mato. Você vai andando na passarela e observando a vida selvagem do Alasca bem pertinho! Há muitos pássaros, mas de vez em quando você consegue observar pequenos roedores, alces e com sorte, pode avistar algum urso passando de longe.

Alasca
Águia americana vista da Potter Marsh Wildlife Viewing Boardwalk.

3. Beluga Point Sight

Este é outro ponto interessante da sua viagem ao Alasca! Perfeito para avistar o mar e as baleias Beluga, conhecidas como Baleia-Branca. Tudo depende da sorte, mas se o dia estiver bonito é bem provável que você aviste as baleias no verão. Nós vimos algo no mar de longe, mas ventava tanto e fazia tanto frio que decidimos não esperar muito pelas baleias e seguir caminho para a próxima parada!

Leia também: Roteio de 5 dias no Alasca

4. Bird Creek

Este é um ponto incrível também, perfeito para observar a dinâmica da vida no Alasca! Trata-se de um ponto onde pescadores e entusiastas se aglomeram na beira do rio para pescar salmão. Enfim é tanto peixe que todo mundo sai de lá com os isopores fartos!

Uma coisa que nos chamou muita atenção foi ver pescadores com espingardas! E para quê? Bom, a fartura dos peixes chama a atenção de vários predadores, inclusive, dos ursos! Então os pescadores ficam armados para o caso de precisarem se proteger de algum ataque selvagem! :O Isso sim é viver uma experiência completa na sua viagem ao Alasca!

É bom saber que é meio confuso chegar até o Bird Creek. Em primeiro lugar, nós passamos a entrada principal do Bird Creek e estacionamos no estacionamento secundário, um pouco mais afastado do ponto de encontro e da ponte de observação. Chegando lá, decidimos caminhar para avistar os pescadores, mas era necessário fazer uma trilha meio isolada. Ficamos com medo de encontrar ursos nesta trilha e então voltamos ao estacionamento. Pegamos o carro de volta e retornamos na rodovia até encontrar o estacionamento principal, este sim, mais estruturado e com muitos carros. Pudemos então caminhar rapidamente até a ponte e de lá observar a vida pesqueira do Bird Creek. Sem dúvida uma super imersão cultural na sua viagem ao Alasca!

5. Girdwood (Mt. Alyeska)

Este ponto é outra parada interessante na Seward Highway, principalmente para quem estiver com tempo. Nós nos programamos para almoçar neste lugar, mas já era um pouco tarde quando passamos por ali e se tivéssemos parado, perderíamos nosso horário de chegada na cabana em Seward. Por isso decidimos escapar a parada e voltar ali num outro dia.

Foi um erro! Acho que só vale a pena parar no Mt. Alyeska se você estiver fazendo a rota entre Anchorage e Seward (tanto na ida, como na volta).

O Alyeska é um resort que oferece tanto atividades de montanha o ano inteiro. No verão, você pode subir a montanha no bondinho e fazer alguns hikings pela região ou simplesmente apreciar a paisagem. O preço do bondinho é USD 30 por pessoa, caso você não vá esquiar. Para esquiadores, o preço é mais caro. Aqui tem mais informações sobre o resort.

Há dois restaurantes no topo da montanha. O primeiro é o Bore Tide Deli & Bar, que é tipo lanchonete, aberto diariamente das 11h às 18h30. O segundo é o Seven Glaciers, restaurante fino, aberto somente de sexta a domingo em horários mais restritos para almoço ou jantar.

6. Alaska Wildlife Conservation Center

Sem dúvida, a melhor parada da rota na Seward Highway e um must see na sua viagem ao Alasca! Eu vi esta dica nos sites dos Nerds Viajantes e Felipe, o pequeno viajante, dois sites que confio bastante e por isso decidi visitar.

O Alaska Wildlife Conservation Center é um centro de reabilitação de animais selvagens que por algum motivo não sobreviriam sozinhos na natureza. Seja porque foram machucados por seres humanos, ou se tornaram órfãos, ou algum outro evento que possa ter prejudicado a sua vida na natureza. Os bichinhos são levados para o centro e recuperados até que estejam fortes o suficiente para voltar à natureza. Ou seja, lugar lindo e importante!

O espaço dos animais é bem grande. A diferença entre a natureza e o espaço em que vivem é a cerca que proteje os humanos curiosos. Há somente animais típicos do Alaska, ou seja, isso não é um zoológico. É realmente um centro de conservação da vida selvagem.

Para chegar lá é bem simples, fica na milha 79 da rodovia. Mas há várias placas sinalizando a entrada do centro. O preço é 16usd por pessoa. Funciona diariamente entre março e outubro, e com horários reduzidos entre novembro e fevereiro. Há várias atividades diárias acontecendo, entre elas a alimentação dos animais, que é um evento incrível de presenciar. A alimentação dos ursos ocorre às 15h30.

Alaska Wildlife Conservation Center Mapa
Mapa do Alaska Wildlife Conservation Center

7. Kenai Lake

É um dos maiores lagos da região da Seward Highway, perfeito para atividades de aventura. Nós paramos só para observar a paisagem, o lago é realmente muito bonito. Fizemos o passeio completo até a região de Kenai Lake e Cooper Landing ( a alguns km a leste do Kenai Lake) num outro dia, mas a parada só para ver a vista vale muito a pena!

8. Exit Glacier

Outra parada incrível da Seward Highway! A geleria Exit é um dos lugares mais fascinantes que você verá nesta rota. A gente não fez a parada na geleira durante a rota justamente porque nossa programação era fazer um hiking até lá no dia seguinte. Mas se você não pensa em fazer a trilha, pode parar rapidamente no parque e apreciar o glacier.

Durante o verão acontece a Ranger-Led Walk, ou seja, uma trilha acompanhada de um ranger, equivalente a um guarda florestal. O ranger explica muitas curiosidades sobre a vida no Alaska, fatos sobre a geleira e ainda garante a proteção na trilha. A caminha dura cerca de 1h30, mas se você quiser fazer o circuito sozinho, poderá chegar até pertinho da geleira em meia hora! As caminhadas com os rangers acontecem diariamente às 10, 11, 13 e 14h entre o final de maio e começo de setembro. Aqui tem mais informações sobre o Exit Glacier.

9. Seward

Seward é o ponto final da rota Seward Highway, ou seja, parada obrigatória também! É uma cidadezinha litorânea super charmosa, pequena e com bem poucas atrações turísticas. É, portanto, o ponto de partida para quem quer explorar uma viagem ao Alaska mais natural, longe da muvuca dos turistas e dos cruzeiros.

Vale a pena passar 3 noites em Seward e fazer hikings, explorar as geleiras e os passeios na costa, entre os fiordes. Também é um ótimo ponto de partida para quem pensa em ir até Kodiak Island, a ilha selvagem do Alaska.

Links úteis para a sua viagem

Aqui vai uma lista com alguns links interessantes para te ajudar com a sua viagem. Se tiver dúvida, é só fazer um comentário que eu responto!

Para encontrar um hotel bom e barato, eu uso o Booking.com. Mas eu tenho alguns truques aqui neste post com dicas para economizar na hora de reservar um hotel.

Outra ferramenta legal para encontrar passeios e tours é a Get Your Guide. Essa é uma empresa que seleciona tours em todo o mundo e você pode reservar os passeios com antecedência sem sair de casa. Os preços deles são ótimos e tem muita coisa em Português! Além dessa, eu uso bastante a Tiqets, que tem a vantagem de dar os bilhetes no celular, sem precisar imprimir.

Para quem viaja de carro, aqui vai um post com dicas para alugar um carro pela Europa. A lógica é parecida para outros continentes. Para comparar as tarifas das locadoras, eu uso o site da Rental Cars que já coloca todos os preços juntos e poupa um tempo danado!

Recentemente eu descobri a Seguros Promo para quem precisa cotar seguro de viagens ao redor do mundo. Como o seguro de viagem é obrigatório para muitos lugares, eles dão boas ofertas e 5% de desconto para os leitores do blog se você clicar neste link aqui.


Booking.com

Imagem destacada:  Banco de Imagens iStock
Créditos: @NetaDegany