Neste post vamos mostrar três opções de roteiro de 7 dias no Marrocos. Contamos os erros e acertos da nossa viagem, e damos algumas alternativas para viagens perfeitas!

Em janeiro de 2019 nos aventuramos em uma viagem de 9 dias pelo país. Abraçamos a oportunidade de conhecer uma cultura tão diversa e maravilhosa. Mas percebemos que poderíamos ter feito uma rota muito melhor. Por isso, decidimos compartilhar algumas alternativas…

Antes de mais nada, dá uma olhada no que nós fizemos, para você ter uma ideia mais real da nossa rota pelo Marrocos.

A nossa viagem no Marrocos:

Depois de uma pesquisa em outros blogs e consulta com amigos que conheceram o país, elaboramos o nosso roteiro pelo Marrocos. Chegamos por Marrakech e partimos desde Rabat. Queríamos viajar de maneira econômica e esse foi o nosso roteiro no Marrocos:

Dia 01: Marrakesh

Saída de Madrid no fim da tarde, chegada em Marrakech tarde da noite. O vôo low cost atrasou uma hora e fomos direto para a Riad na Medina.

Leia também: Vale a pena voar de low cost?

Dia 02: Marrakesh

City tour pela Antiga Medina pela manhã, para conhecer os principais pontos turísticos, incluindo farmácia omeopática para compra de óleo de Argan. Tivemos a tarde livre pela área central e no fim da tarde subimos a um terraço na Jemma-el-Fna. À noite estávamos bem cansados e voltamos para a Riad.

Fizemos uma avaliação da empresa Civitatis, nossa empresa de city tour, neste post aqui. Foi incrível! Descubra todos os detalhes clicando aqui.

Dia 03: Marrakesh

Conhecemos outros pontos da Antiga Medina pela manhã, começando pelo Jardin Secret e o Musée de la Femme. Depois de um almoço gigante no hotel La Sultana, descansamos o resto do dia.

Dia 04: Marrakesh

Ainda em Marrakech, curtimos a cidade fora dos muros da Medina, curtimos o Jardim Majorelle e museus anexos e depois fomos em direção ao bairro Guéliz. Depois de comprar passagens para os próximos dias no Gare de Marrakech, terminamos o dia no Hammam de la Rose com um banho relaxante.

Saiba tudo sobre o que você pode conhecer em Marrakech e clique aqui para conhecer a cidade fora da rota convencional.

Dia 05: Essaouira

Passamos o dia em Essaouira (Mogador), uma cidade praiana a poucas horas de Marrakech. Fomos em um ônibus muito confortável e tivemos tempo de conhecer o essencial da cidade com bastante tranquilidade.

Dia 06: Rabat

Fizemos um passeio de camelo no Palmeiral de Marrakech e seguimos em direção à capital Rabat. À noite fomos no restaurante Dar Naji.

Dia 07: Rabat

Dia em Rabat, conhecendo as principais atrações da Medina e área histórica. Você pode conhecer tudo a pé!

Falamos neste post sobre a capital Rabat. Clique aqui conheça 10 atrações de Rabat.

Dia 08: Casablanca

Fizemos um bate-volta para Casablanca desde Rabat. Conhecemos a luxuosa Mesquita Hassan II e algumas outras atrações.

Dia 09: Rabat

Cruzamos de barquinho o Rio du Regregue em Rabat e conhecemos a região da Marina de Salé e o Oujla Craft Complex (um local de produção local de cerâmicas, de acesso super difícil). Retorno a Madrid.

Erros e Acertos do nosso roteiro no Marrocos

  • Tivemos bastante tempo livre. Ou seja, poderíamos ter encurtado o tempo no país para conhecer a mesma coisa. Dessa forma, acreditamos que 7 dias seriam suficientes para conhecer o principal do Marrocos!
  • Marrakech é em nossa opinião uma cidade imperdível de conhecer. Nós adoramos o tempo em que estivemos lá e recomendamos que seja a primeira cidade em seu roteiro. Mas 2 ou 3 dias são suficientes para visitá-la.

Aqui falo sobre o que se deve saber ao chegar em Marrakech, inclusive algumas dicas que teriam facilitado a nossa viagem, se soubéssemos delas antes!

  • Em comparação com as outras cidades, Casablanca não foi uma boa escolha para nós. A cidade é muito grande, com deslocamentos internos difíceis e muitas atrações estavam em obras de reforma. Então para um roteiro enxuto como o nosso, teria sido melhor dedicar tempo a outra cidade. Meknèz por exemplo, teria sido uma opção melhor.
  • Rabat é uma cidade muito organizada e bonita, mas um dia é suficiente para curtir o melhor dela.
  • Optamos por não conhecer o deserto do Saara, principalmente por questão financeira. Se tivéssemos nos organizado melhor, não teríamos perdido essa oportunidade.
  • Entrar por uma cidade e sair por outra foi ótimo. Evitamos assim deslocamentos desnecessários e o preço foi quase o mesmo.

Então o que teríamos feito diferente? Temos algumas sugestões. Veja a seguir as três opções de roteiro de 7 dias no Marrocos que nós recomendamos.

1. Roteiro de 7 dias no Marrocos | Cidades Imperiais

marrakesh
Marrakesh. Imagem: VanderWolf Images | Adobe Stock

Esse é um roteiro de 7 dias no Marrocos para quem quer conhecer a essência cultural marroquina pelas quatro cidades imperiais. Marrakech, Rabat, Fez e Meknès.

Serão dias de palácios, mesquitas, parques, feiras de artesanato, cultura diversificada e muita comida saborosa! A arquitetura de cada uma dessas cidades é singular e vale a pena investir o tempo para conhecê-las.

Dia 01: Marrakech

Preferencialmente com uma chegada de manhã, aproveite para conhecer o essencial da Antiga Medina. Em nossa lista de favoritos estão os Túmulos Saadianos e o Palais Bahia. Curta a Medina e veja o Pôr do sol do alto de um terraço na Jemma-el-Fna para ver o começo de uma noite de festas!

Para conhecer um pouco sobre a Antiga Medina de Marrakech, clique aqui neste link e conheça 20 lugares maravilhosos para conhecer no centro histórico de Marrakesh.

Dia 02: Marrakech

De manhã aproveite ainda algumas atrações da Antiga Medina, e não deixe de ir ao Jardim Secreto (Le Jardín Secret) e ao Museu da Mulher (Musée de la Femme). Finalize o dia com um banho relaxante em um Hammam e jante no Café Árabe.

Leia também: 10 atrações fora da rota convencional para fazer em Marrakesh.

Dia 03: Marrakech/Rabat

Pela manhã conheça o Jardim Majorelle e o Bairro Guéliz e vá em direção à Estação de trens, para finalizar o dia na capital, Rabat. À noite conheça a Avenue Mohammed V, e escolha um dos vários lanches oferecidos dentro da Medina.

Dia 04: Rabat

Conheça o essencial de Rabat. Kasbah des Oudayas e as vistas para o mar, Rue des Consuls com um comércio diverso de souvenirs e o Mausoléu de Mohammed V com a Torre Hassan. Um bom restaurante é o Dar Naji. Descanse pois os próximos dias serão puxados.

Leia também: 10 coisas para fazer em Rabat.

Dia 05: Fez

Vá de ônibus ou trem para Fez de manhã cedo. Serão 3h de viagem. É melhor chegar na Medina de dia, pois ela é a mais fácil de se perder.

Recomendamos o guia da Civitatis para a cidade de Fez. Clique aqui e conheça os melhores monumentos e atividades. Nós utilizamos o guia deles para Marrakech e foi maravilhoso!

Dia 06: Dia em Meknéz

Faça um bate-volta de Fez, para aproveitar o máximo de Meknèz. Ela é uma das cidades turísticas mais tranquilas, e vai te deixar encantado. Não deixe de visitar a Bou Inania Medersa!

Dia 07: Fez

Aproveite seu último dia em Fez e saia do país pelo Aeroporto Internacional de Fez-Saïss.

2. Roteiro de 7 dias no Marrocos | Praia, Montanha e o Saara

Essaouira Marrocos
Essaouira. Imagem: AlxeyPnferov | IstockPhoto

Este roteiro de 7 dias no Marrocos recomendamos para quem gosta de natureza e não se importa em passar um tempo na estrada. As distâncias podem ser relativamente longas, mas as paisagens deslumbrantes valerão a pena.

Dia 01: Marrakech

Aproveite o melhor da Antiga Medina no seu primeiro dia e tente não se perder pelos Souks! Temos várias dicas do que fazer nesta cidade imperial.

Dia 02: Marrakech

No segundo dia, tente curtir bastante a natureza e já entrar no clima da maratona dos próximo dias. Jardín Secret, Jardim Majorelle e Jardin Menara são ótimas pedidas!

Leia também: 20 coisas para fazer em Marrakesh.

Dia 03: Dia em Essaouira

Bate-volta desde Marrakech para conhecer uma das melhores praias para Windsurf. A cidade histórica é uma mistura perfeita entre a arquitetura marroquina e portuguesa.

Leia também: O que fazer em Essaouira?

Dias 4, 5 e 6: Deserto de Merzoug

Dia 04: Marrakech – Ait Ben Haddou – Ouarzazate – Gargantas do Dades.
Dia 05: Gargantas do Dades – Gargantas do Todra – Merzouga.
Dia 06: Merzouga – Rissani-Alnif-Tazarine – Vale do Draa – Agdez

Entre os dias 04 e 06, recomendamos a Excursão de 3 dias ao deserto de Merzoug oferecido pela Civitatis. Você irá conhecer a Cordilheira do Atlas, uma cadeia linda de montanhas e cenários de filmes clássicos, como O Gladiador. Além disso, irá passear de camelo pelo deserto e dormirá em tendas de acampamento com um jantar intimista. Uma autêntica experiência pelo Marrocos

Dia 07: Marrakech

No seu último dia do Marrocos, recomendamos um merecido descanso. Faça um banho relaxante e uma massagem em um Hammam e aproveite um menu diferenciado no restaurante do Hotel La Sultana.

Se quer saber mais sobre o Hotel La Sultana e seu cardápio delicioso, clique aqui e veja nossa avaliação completa!

3. Roteiro de 7 dias no Marrocos | Marrakech e a Rota Alternativa do Sul

Legzira, Marrocos. Imagem: Oleksii Hlembotskyi | Istock

Esse é o roteiro de 7 dias no Marrocos para quem não quer perder Marrakech, a principal cidade turística do Marrocos, mas adora uma aventura fora do comum. O sul do Marrocos é mais rústico, com natureza exuberante, cultura nômade e praias indicadas para windsurf.

Dia 01: Marrakech

Como recomendamos anteriormente, dedique o primeiro dia para conhecer o essencial da Antiga Medina e se ambientar com a cidade. Um jantar nos terraços da Jemma-el-Fna certamente será bastante agradável.

Dia 02: Marrakech

No segundo dia conheça o Jardim Secret e avance para fora dos muros da Medina. Jardins Majorelle e Ménara são ótimas opções. Curta o bairro Guéliz e no fim do dia compre sua passagem antecipada para Essaouira. Um pouco mais à frente do Gare de Marrakech está o Supratours.

Saídas de Marrakech para Essaouira pela Supratours: 8h, 9h (confort Plus A), 10h45, 15h, 17h, 18h30. Nós escolhemos o confort Plus e realmente o ônibus é maravilhoso.

Dia 03: Excursão Aldeias Berberes e Cordilheira do Atlas.

Em um passeio de um dia, você vai ter a oportunidade de conhecer a cultura nômade marroquina e a cadeia montanhosa do Atlas.

Nesse link, você pode conferir mais informações dessa excursão.

Dia 04: Marrakech Essaouira

Saindo cedo de Marrakech, você terá tempo de conhecer tudo em Essaouira.

Saiba tudo sobre Essaouira clicando aqui. Essa cidadezinha é um encanto!

Dia 05: EssaouiraAgadir

Em direção mais ao sul, outra cidade super agradável e cheia de encantos é Agadir. Você pode fazer um city tour pela cidade, um passeio de barco ou ainda praticar Sandboarding pelas dunas locais.

Pela Supratours, há saídas de Essaouira para Agadir (70dh) às 14h30.

Dia 06: Agadir – Legzira

A praia famosa por sua formação rochosa esculpida pelos ventos é uma atração turística que merece a visita. É uma das poucas em que o turista terá a tranquilidade de colocar o traje de banho e curtir o sol escaldante. Faça o bate-volta e aproveite a última noite em Agadir.

Dia 07: Agadir – Marrakech

No seu último dia, retorne para Marrakech e aproveite um pouco mais de sua Medina agitada.

Mas e Chefchaouen?

A pequena cidade azul ao norte do país, que recentemente se abriu para o turismo, é uma jóia para ser descoberta com calma.

Marrocos
Chefchaouen, Marrocos. Imagem: nevereverro | Istock

Pelas grandes distâncias que se deve enfrentar até chegar lá (aproximadamente 9 horas desde Marrakceh), acreditamos que seja mais indicado para quem tenha mais tempo de visitar o país. Ou seja, se você somente tem 7 dias no Marrocos, talvez seja muito pesado ir até lá.

Pelo o que lemos e ouvimos falar, é um lugar que vale a pena conhecer e ficar pelo menos dois dias. Então se você estiver com maior flexibilidade, uma boa pedida seria partir de Fez para Chefchaouen (ou Xexuão) e ir em direção à Tânger para sair do país.

Últimas dicas sobre a sua viagem para o Marrocos

  • Para conhecer tudo o que o país oferece, e as grandes distâncias entre as principais cidades, você teria que viajar por volta de vinte dias.
  • Com sete dias é possível conhecer muita coisa, mas você terá que escolher o que encaixa melhor com o seu perfil.
  • Viajamos de trem e de ônibus e foi ótimo! A qualidade dos transportes que tivemos a oportunidade de conhecer era muito boa mesmo.
  • Mas atenção para possíveis atrasos. Tente se programar com certa flexibilidade.
  • É possível se deslocar de ônibus dos aeroportos para as Medinas, com viagens aproximadas de 30 minutos.
  • Em Marrakech, o ônibus #19 custa 20 Dirham para ida e 30 Dirham ida e volta.
  • Em Rabat, em frente à Estação Rabat Ville, tem um ponto de ônibus que conecta direto ao Aeroporto (Stareo Bus). 20 Dirham para ida.
  • Em Fez, pegue o #16 para a Medina, que custa 4 Dirham.

Links úteis para a sua viagem

Aqui vai uma lista com alguns links interessantes para te ajudar com a sua viagem. Se tiver dúvida, é só fazer um comentário que eu responto!

Para encontrar um hotel bom e barato, eu uso o Booking.com. Mas eu tenho alguns truques aqui neste post com dicas para economizar na hora de reservar um hotel.

Outra ferramenta legal para encontrar passeios e tours é a Get Your Guide. Essa é uma empresa que seleciona tours em todo o mundo e você pode reservar os passeios com antecedência sem sair de casa. Os preços deles são ótimos e tem muita coisa em Português! Além dessa, eu uso bastante a Tiqets, que tem a vantagem de dar os bilhetes no celular, sem precisar imprimir.

Para quem viaja de carro, aqui vai um post com dicas para alugar um carro pela Europa. A lógica é parecida para outros continentes. Para comparar as tarifas das locadoras, eu uso o site da Rental Cars que já coloca todos os preços juntos e poupa um tempo danado!

Recentemente eu descobri a Seguros Promo para quem precisa cotar seguro de viagens ao redor do mundo. Como o seguro de viagem é obrigatório para muitos lugares, eles dão boas ofertas e 5% de desconto para os leitores do blog se você clicar neste link aqui.


Booking.com