Antes de morar no país, tudo o que eu entendia de chocolate na Suíça se resumia às variações da Lindt, que vêm naquela caixinha cheeeeia de miniaturas vendida nos free shops do mundo inteiro. São deliciosos, fato. Mas meu mundo se abriu depois de conhecer algumas das marcas locais de chocolate suíço!

Quero deixar claro que a Lindt continua sendo uma das minhas marcas de chocolates favoritas da Suíça. Uma das. Depois de conhecer (e engordar) com algumas delícias inacreditáveis e suspirar com novos cheiros e sabores, aqui vão as minhas dicas de chocolaterias na Suíça. Prepare o babador, que a coisa é tensa.

1. Chocolate na Suíça: Läderach

Esta é uma chocolateria artesanal, com todas as delícias feitas por profissionais altamente qualificados. Presente em quase todas as cidades turísticas da Suíça, a Läderach surpreende a todo bom chocólatra que se preze. Eles criam chocolates de diversos sabores, entre eles o meu favorito: chocolate branco com pistache.

Entrar na loja é uma experiência única para os nossos sentidos. O olfato é o primeiro a sentir o aroma irresistível do mais puro chocolate sendo ali preparado na hora. Uma sequência de bombons, barras, cascatas e esculturas de chocolate se apresentam aos visitantes, que podem aproveitar e pedir uma provinha do sabor a ser adquirido.

Eles vendem o chocolate por peso. Você decide qual barra quer, decide quantos gramas de chocolate quer e voilá, leva o saquinho para casa. Na dúvida, há saquinhos de todos os sabores juntos, meu presente favorito para pessoas especiais. Como essa é uma das marcas de chocolates mais finas da Suíça, não se assuste com o preço.

2. Chocolate na Suíça: Sprüngli

A Sprüngli é a linha artesanal da Lindt. É cafeteria, chocolateria e confeitaria ao mesmo tempo. Eles produzem algumas maravilhas impossíveis de descrever só com palavras. Resumindo: quem gosta de chocolate, precisa parar na Sprüngli nem que seja para pedir um bombonzinho.

Aproveite para levar uma caixinha de Macaroons, ou Luxemburgerli, como são chamados na loja.  Estes são os únicos macaroons que fazem concorrência com os macaroons da tão conhecida Laduree, da França. Há quem diga que os macaroons da Sprüngli são melhores que os da Laduree. Ó dúvida cruel! Para ter certeza, só provando os dois, né?

chocolate na SuíçaFoto: Sprüngli

3. Chocolate na Suíça: Cailler

É a linha luxo da Nestlé, que também é Suíça. Os chocolates Cailler são industriais, mas há algo diferente no sabor, o que faz o chocolate ser muito especial. A Cailler possui uma fábrica lindíssima na cidade de Bulle, perto do lago de Genebra.

Foto: Cailler

A visita na fábrica conta todo o processo de fabricação do chocolate, conta a história da marca e ao final, oferece a possibilidade de degustar TODOS os produtos. Sim, TODOS. É muito chocolate para provar e decidir qual o melhor. Este chocolate vende em alguns supermercados Coop. Recomendo!

Cailler

4. Chocolate na Suíça: Max Chocolatier

Outra fábrica de chocolates artesanais. Eles têm a origem em Lucerna e usam ingredientes de altíssima qualidade na confecção de barras, bombons e trufas perfeitas! Os sabores variam das flores dos campos alpinos até magníficos chocolates com chá verde, rum ou café. Eles próprios dizem que cada mordida é uma viagem a lugares distantes, um convite a sabores completamente alucinantes e deliciosamente prazerosos.

Foto: Max Chocolatier

5. Chocolate na Suíça: Teuscher

A Teuscher é outra chocolateria dedicada a chocolates finos na Suíça. Eles são famosos por suas lojas hiper decoradas e criações divertidas. Entre os chocolates famosos, as trufas de champagne são as mais procuradas – e também, as mais gostosas na minha opinião.

 Foto: Teuscher

Outras marcas famosas de chocolate na Suíça

Não podia deixar de fora as marcas mais consumidas no dia-a-dia da Suíça. São marcas facilmente encontradas nos supermercados e que costumam estar em todas as casas e agradar a todos os paladares. Por serem industrializadas, costumam ser mais baratas.

Lindt

A Lindt é a marca que todo mundo conhece e uma das minhas favoritas aqui na Suíça. Nos supermercados comuns (exceção do MIGROS) é fácil de encontrar quase todas as variações de Lindt possíveis. Eu indico a linha “Nice to Sweet You”. São chocolates deliciosos, óbvio, mas com uma carinha diferente e um sabor completamente novo para quem está acostumado com os Lindt. Há chocolate de café, de morango, de frutas do bosque, é tudo muito bom!

Toblerone

Os chocolates triangulares da Toblerone são famosos no mundo inteiro. A Toblerone começou a operar na Suíça em 1908 e em 1990 foi comprada pela empresa americana Mondelēz. O sabor continua irresistível: uma mistura de mel com avelãs e amêndoas num chocolate ao leite delicioso! Há novas variações como chocolate branco, amargo, com frutas, mas na minha opinião, o sabor original é imbatível. Fora isso, a logomarca revela a ponta da famosa montanha Matterhorn, nos Alpes Suíços.

Frey

É a linha de chocolates vendida nos supermercados Migros, em toda a Suíça. Quase que uma marca própria do Migros, já que ela faz parte do grupo Migros, que é quase que um monopólio de marcas na Suíça. Fato que Frey garante a qualidade suíça, mesmo sendo parte de um grupo tão grande como o Migros, e claro, não poderia deixar de ser delicioso. Há desde caixas de bombons Frey, Pralinés, Miniaturas, enfim, um pouco de tudo. Mas o meu preferido é a Lingua de Gato! Maravilhoso! Vendidos exclusivamente nos supermercados Migros, a Frey não perde em nada para os chocolates mais conhecidos e o preço é o mais acessível de todos.

Links Úteis para viajar pela Suíça

Aqui vai uma lista com alguns links interessantes para que a sua viagem pela Suíça§a seja o mais completa e o mais fácil possível. E se pintar alguma dúvida, mande uma mensagem aqui nos comentários.

Antes de mais nada, se você busca um e-book ou livro para te ajudar a planejar a sua viagem pela Suíça, o guia "Calor Nos Alpes" é perfeito! O livro tem dicas de cidades, rotas, passeios, trens panorâmicos, montanhas, tudo junto e baratinho! Aqui neste link tem mais informações.

O Swiss Travel Pass é o passe que dá direito a usar todos os transportes da Suíça e costuma ser uma mão na roda para viagens de mais de 3 dias. Ele vem nas opções de primeira ou segunda classe, eu acho que a segunda já resolve a vida da maioria das pessoas. Para saber mais, escrevi este post aqui: Vale a pena usar o Swiss Pass?

Agora se você vai viajar de carro, talvez valha a pena dar uma lida neste post com dicas para alugar um carro pela Europa. Dirigir na Suíça é uma maravilha, mas pode sair mais caro do que o esperado. Sugiro que você compare os preços pelo site da Rental Cars que já simula todas as locadoras de uma vez e sempre tem ótimas ofertas.

Se você vai para Zurique e quer um Tour em Português em Zurique, pode contar com a minha equipe. Somos guias profissionais da cidade e fazemos passeios a pé pelo centro histórico da cidade, com muita informação sobre Zurique e sobre a Suíça em geral, está tudo neste link aqui. Outra ferramenta legal para encontrar passeios e tours é a Get Your Guide. Essa é uma empresa que seleciona tours em todo o mundo e você pode reservar os passeios mais tradicionais com eles, como o da famosíssima montanha Jungfrau. Os preços deles são ótimos e tem muita coisa em Português!

Aqui vai uma lista com os posts mais procurados sobre a Suíça:

Os Alpes são a grande atração da Suíça, e aqui vão os posts com algumas sugestões de montanhas:

Para ler todos os posts sobre a Suíça, é só clicar aqui.

Aqui vão dicas de hotéis para ficar em Zurique. Eu sempre recomendo o uso do Booking.com como ferramenta para comparar tarifas e reservar as melhores ofertas. Na dúvida, é só perguntar aqui que eu te ajudo a achar um hotel bacana e sem custo nenhum! 🙂

E finalmente, talvez você precise de um seguro de viagens. Recentemente eu descobri a Seguros Promo, que compara seguros de viagens ao redor do mundo. Eles dão boas ofertas e você ainda ganha 5% de desconto se você clicar neste link aqui.