Recentemente tive o prazer de voltar à Cinque Terre e fazer um passeio bem completo de um dia pela região! Passei aqui no blog para atualizar as informações, publicar mais fotos e deixar aqui todas as dicas sobre este lugar lindo, romântico e adorável na Itália conhecido por Cinque Terre.

Cinque Terre

Patrimônio da Unesco, Cinque Terre é um conjunto de cinco pequenos vilarejos charmosíssimos que ocupam um pedaço estreito entre as colinas e o mar mediterrâneo. Juntas, estas cidadezinhas formam uma paisagem bucólica lindíssima, característica especial desta região da Ligúria! Conheça as dicas para visitar Cinque Terre e divirta-se!

Vernazza Cinque Terre

Onde ficam as Cinque Terre?

Ficam no norte da Itália, na região da Ligúria, localizadas ao sul de Gênova. Cinque Terre é na verdade um conjunto de cinco vilas: Monterosso al Mare, Vernazza, Corniglia, Manarola e Riomaggiore. Durante séculos, os moradores construíram suas casas sobre a montanha adaptando-se ao terreno acidentado, extraindo o melhor da natureza, sem danificá-la. O resultado foi este conjunto de casinhas coloridas emendadas, arquitetura que está preservada até hoje em todos os cinco vilarejos.

Manarola Cinque Terre

Para conhecer cada vila, os visitantes podem fazer a rota a pé, de trem ou barco. Há uma rodovia bem acidentada e difícil de percorrer, ligando as cidadezinhas, portanto pense nisso ao programar sua viagem!

Dica: na hora de consultar onde ficam as Cinque Terre, não busque por Cinque Terre no Google, porque há uma cidade que se chama assim, e fica ali perto. Melhor buscar “Monterosso al Mare” que é a primeira vila e logo você irá entender mais sobre as demais vilas da região.

Como chegar em Cinque Terre?

O ideal é sair de Gênova, a maior cidade próxima às Cinque Terre de trem. Eu recomendo que você comece a visita pelo norte, em Monterosso al Mare, e siga até Riomaggiore que é a última vila. O passeio pelas cinco terras pode levar várias horas, principalmente se você fizer o roteiro a pé. Eu não recomendo ir até lá de carro porque a rodovia é bastante acidentada e o acesso é bem difícil. Eu escaneei o mapa que me deram nas Cinque Terre e pus neste link (baixar grátis mapa da Cinque Terre em pdf). Ele mostra como é a rodovia, a ferrovia e as trilhas da região, e já dá pra ter uma noção boa do porquê é melhor ir em trem do que em carro até lá.

Nesta minha última viagem, eu saí cedinho de Gênova de trem e chegando lá, comprei o bilhete Cinque Terre Treno Card de 1 dia, para conhecer todas as vilas, inclusive, indo e voltando, se necessário. Este bilhete está à venda em todas as estações de trem na Cinque Terre e custou EUR 16 para 1 dia, preço de alta temporada. Aqui vão os demais preços deste bilhete na alta temporada (abril a novembro).

Preços Cinque Terre Card Trem:

1 dia (adutos 12 a 69 anos)  €16.00
2 dias (adutos 12 a 69 anos) €29.00
3 dias (adutos 12 a 69 anos) €41,00
1 dia (crianças de 4 a 12 anos) €10.00
1 dia (adultos + 70 anos)  €13.00
1 dia família  €42.00 (2 adultos + 2 crianças entre 4 a 12 anos)

O que fazer em Cinque Terre?

1. Monterosso al Mare

É a maior e mais povoada de todas as terras, vila de pescadores e sítios de limoeiros. As praias daqui são as mais extensas, por estarem localizadas bem no centro do golfo. Aqui também começa uma trilha pela montanha que leva até Vernazza, por onde estão alguns vinhedos típicos da região.

Monterosso al Mare

Para quem curte caminhadas, recomendo começar por esta trilha, isso se você tiver um espírito aventureiro. Lembre-se que a trilha não é fácil, é cheia de “sobe e desce” e está em uma estrutura completamente in-natura, ou seja, aventure-se somente se você estiver seguro que dá pra encarar 2 horas de caminhada morro acima e possui sapatos apropriados.

Na primeira vez eu subi a trilha e amei, fiz fotos incríveis lá de cima. Na segunda vez eu saltei a trilha e cheguei à próxima das Cinque Terre em trem, foi bem mais rápido! 😛

 2. Vernazza

Vernazza é a segunda terra e talvez a mais interessante de todas as cinco terras. É onde se produz o vinho Vernaccia, típico da região, e possui um pequeno porto, ideal para barcos de pescadores e demais embarcações de pequeno porte.

Vernazza Cinque Terre

Durante o verão, esta bahia fica cheia de banhistas, que aproveitam o calor para se refrescar na piscina natural formada pela grande bahia. Vernazza possui algumas igrejas e construções militares que valem a pena a visita, e em julho há a festa de Santa Margherita di Antiochia, com banquetes e fogos de artifício.

Vernazza Vista

 3. Corniglia

Corniglia é a menor de todas as vilas, fica bem no centro da Cinqueterre e é a única que não está diretamente encostada no mar. Está situada a 100 metros de altura do mar e para chegar lá, há duas opções: uma bela subida chamada “Lardarina”, constituída por 33 rampas com 377 degraus ou um pequeno funicular que desde a estação de trens leva até a vila. Eu fiz a trilha e amei!!!

Corniglia Cinque Terre

É ainda bastante popular pela literatura, Corniglia foi citada em uma passagem do Decamerão, de Boccaccio.

Corniglia Cinque Terre

4. Manarola

A mais antiga de todas as terras, Manarola é famosa por seu vinho “Sciacchetrà”, muito apreciado e reconhecido localmente. Possui algumas construções religiosas interessantes, entre elas a igreja de San Lorenzo, de 1338. San Lorenzo é o patrono de Manarola, que em agosto tem seu dia comemorado com procissões ao redor da vila.

Manarola Cinque Terre

Acho que Manarola é a melhor vila para fazer uma parada para almoçar. Eu segui as dicas do TripAdvisor e fui neste restaurante, Il Porticciolo, logo na entrada da vila sentido mar. A comida é realmente fantástica, comi um peixe fresco que sem dúvida nadava ainda naquela manhã! Amei cada mordida e recomendo de olhos fechados.

Manarola Cinque Terre

Manarola conecta-se com Riomaggiore por um caminho lindíssimo, conhecido como a Via dell’amore. Para os casais apaixonados a caminhada é realmente muito agradável, porém, a via completa está fechada, é possível fazer somente um pedaço da Via. Aos mais românticos a dica é levar um cadeado com as iniciais do casal e no caminho prendê-lo por lá.

Via Dell Amore Cinque Terre

 5. Riomaggiore

A mais oriental de todas as Cinque Terre, Riomaggiore está conectada com Manarola pela Via dell’amore e ainda conecta-se por trem com La Spezia, cidade maior que já não faz parte do Parque Nacional de Cinque Terre.

Riomaggiore, assim como as vilas anteriores, possui uma interessante arquitetura religiosa e militar. Entre eles, a igreja de San Giovanni Battista, de 1340 e a igreja de San’t Antonio, séc XIII, ambas no centro histórico de Riomaggiore, vale a pena conhecer.

Riomaggiore Cinque Terre

Quem quiser fazer o passeio pelas Cinque Terre com uma empresa, há tours privados e em grupo que fazem as cidades na maior comodidade num barco! Neste passeio você irá conhecer as cidades pelo mar, e atracar nos portos de cada vila para conhecer e fotografar as partes mais bonitas. Fora que é do mar onde se tira as fotos mais lindas de Cinque Terre.

Informações sobre o passeio de barco em Cinque Terre neste link aqui.

Onde ficar em Cinque Terre?

Um hotel em Cinque Terre pode custar bem caro, portanto, uma boa dica pode ser buscar a hospedagem em La Spezia ou mesmo em Gênova, que apesar de mais longe está a apenas 2 horas de trem. Eu me hospedei em La Spezia, no hotel NH – adoro esta rede de hotéis, sempre tem um bom atendimento e um serviço padrão em todos os lugares. Se você for fazer um bate e volta de Gênova, te aconselho a sair cedinho, para aproveitar o máximo, como eu fiz dessa última vez.

Se quiser saber mais sobre Gênova, leia o post completo aqui.

Vista NH La Spezia

 Mais dicas sobre Cinque Terre

A melhor época para visitar a Cinque Terre é na primavera, no verão ou no começo de outono, ou seja, entre maio e setembro. Se você não gosta de passar calor, evite o mês de agosto, que faz um calor impressionante. Se estiver chovendo é melhor nem ir, pois você corre o risco de ver alguns caminhos fechados por questões de segurança.

Eu fui em Julho e em Abril, achei julho melhor, porém, estava muito mais cheio por causa da alta temporada.

Cinque Terre

Convém buscar informação sobre a abertura dos caminhos para evitar surpresas ruins durante a viagem. Mais dicas: Leve água, protetor solar e biquíni/roupa de banho.

E um último detalhe para quem quer aproveitar o mar em Cinque Terre, saiba que as praias não são de areia, e sim, de pedra. Pedra de verdade! Portanto, leve um sapato que te permita caminhar sobre as pedras e que você possa molhar, de preferência mergulhar com eles! Havaianas não são uma boa opção, vai por mim, experiência própria.

E aqui vai meu último vídeo sobre Cinque Terre, disponível no novo canal do YouTube do blog (inscreva-se!):

Links úteis para viajar pela Itália

Aqui vai uma lista com alguns links interessantes para te ajudar com a sua viagem pela Itália. E se pintar alguma dúvida, já sabe, mande uma mensagem aqui no blog que será um prazer te responder!

Antes de mais nada, veja alguns roteiros interessantes escritos para quem vai pra Itália:

Além destes roteiros, aqui vai uma lista com dicas de algumas cidades:

Claro que tem muito mais posts, então para ler todos os posts sobre a Itália, é só clicar aqui neste link.

Se você vai viajar de carro pela Itália, talvez valha a pena dar uma lida neste post com dicas para alugar um carro pela Europa. Lembre-se de que o trânsito na Itália é meio nervoso e talvez seja prudente olhar com antecedência as tarifas das locadoras e comparar seguros, preços e condições. Sugiro sempre comparar pelo site da Rental Cars que já coloca todas as locadoras de uma vez juntas.

Recentemente eu descobri a Seguros Promo para quem precisa cotar seguro de viagens ao redor do mundo. Achei os preços deles ótimos e eles dão 5% de desconto para os leitores do blog se você fizer o seguro através deste link aqui.

Procurar um hotel na Itália pode ser meio complicado, aqui vai uma lista com as melhores opções de hotéis para ficar em algumas cidades italianas:

Se ainda assim precisa de ajuda, eu fiz este post com algumas dicas para economizar na hora de reservar um hotel. Eu sempre recomendo o uso do Booking.com como ferramenta para comparar tarifas e reservar as melhores ofertas.

Outra ferramenta legal para encontrar passeios e tours é a Get Your Guide. Essa é uma empresa que seleciona tours em todo o mundo e você pode reservar os passeios com antecedência sem sair de casa. Os preços deles são ótimos e tem muita coisa em Português, como por exemplo, este tour completo do Vaticano.

Finalmente, quem estiver viajando pela Itália, não pode perder a oportunidade de comer um “Aperitivo“, que é tipo a nossa "happy hour" mas com comida grátis inclusa - ou quase grátis. E claro, ninguém pode deixar de provar a pizza na Itália, né?