Procurando o que comer em Turim? Encontrou! Turim é uma famosa e charmosa cidade italiana. Ela tem uma importância ímpar no país por ter sido a primeira capital da Itália e também por ter se desenvolvido como um pólo econômico italiano e europeu. E os restaurantes de Turim são só um exemplo deste desenvolvimento todo!

Nesse outro post, já contamos mais sobre a história, curiosidades, lugares para visitar e onde se hospedar em Turim. Mas, como Turim é uma cidade que rende muito assunto, este post aqui é dedicado ao que mais amamos fazer na Itália: comer! E comer  em Turim é mais do que matar a fome, é uma experiência gastronômica para o seu paladar! Dá uma olhada nas nossas dicas de 7 delícias para comer em Turim:

Sete delícias para comer em Turim: qual a sua preferida?

1. Chocolate Gianduiotto

Piemonte é a casa da Ferrero, sabia? Aquela mesma que produz o Ferrero Rocher, a Nuttela, Kinder e esses chocolates com avelã que a gente tanto ama. Isso, porque as colinas que circundam a região produzem muito, mas muito avelã. E daí que há muitos e muitos anos, numa dessas guerras aí que os povos antigos gostavam de travar, Turim foi prejudicada no abastecimento de sementes de cacau, o que afetaria a produção de chocolate da região. A rainha da época, uma grande de uma chocólatra, quase entrou em parafuso. E foi aí que surgiu a ideia de usar o avelã para fazer um chocolate diferente, usando mais avelã e menos cacau. E abriram-se as portas para as misturas, texturas e novos sabores!

A partir daí surgiu o Gianduiotto, um chocolate típico de Turim, que é extremamente macio, em forma de um barquinho, e tem essa proporção como fórmula: mais avelã (gianduia, em italiano) e menos cacau.

Comer em TurimFoto: Wikimedia

Não é difícil achar chocolaterias ou pequenos negócios que fabriquem seus próprios chocolates pela cidade. Mas a nossa recomendação é a chocolateria Gobino, um negócio típico turinense, que fabrica um dos melhores gianduiottos da cidade.

Outra recomendação é provar as deliciosas trufas de chocolate artesanais, que também levam avelã em sua composição e recheio. Também uma ótima sugestão de presente. 😉 A Guido Gobino inclusive permite que você visite a sua fábrica! Mas, para isso, você deve agendar a visita. Saiba mais informações aqui.

Comer em Turim

Chocolateria Guido Gobino
Via Lagrange 1, 10123 Torino
Corso Vittorio Emanuele II 72 Torino

2. O cafézinho italiano

Eu preciso confessar que não sou a maior fã de café do mundo. Mas uma vez na Itália, eu não consigo viver sem um cappuccino. E, independente de você gostar ou não de café, eu vou te dar uma dica: prove o cappuccino da Itália. Você vai se deliciar pela forma como ele é feito, a forma original, é claro. E Turim, por ser a terra dos bons chocolates e do avelã, possui uma fórmula especial que leva um pouco de chocolate no cappuccino, o que dá um sabor delicioso.

Comer em Turim

Foto: Cafe San Carlo

Em Turim você encontrará inúmeros cafés, cada esquina tem um. Mas um que eu te recomendo é o Café San Carlo. Ele fica na Piazza San Carlo, uma famosa praça de Turim. É um café muito antigo, cheio de história e entrar nele é como entrar num palácio. Você pode aproveitar o seu café dentro ou fora, nas mesinhas que ficam na praça.

Comer em TurimFoto: Cafe San Carlo

Café San Carlo
Piazza San Carlo, 156

3. Sorvete, ou melhor Gelato de Turim

Sorvete é algo que você não pode deixar de comer em Turim! A sorveteria mais famosa de Turim é a Grom, tanto que foi até comprada pela Unilever. Mas você pode fazer o seu próprio tour de ‘gelato’ pela cidade e testar qual você gosta mais. O meu preferido foi o da La Romana, uma típica sorveteria artesanal com sorvetes e tortas de sorvete (claro!) deliciosas.

Comer em Turim

Para começo de conversa, eles colocam chocolate no fundo da casquinha que vão te servir o sorvete. É, chocolate aqui é coisa séria! E se você pedir uma bola, te dá direito a dois sabores, que equivalem a duas bolas no Brasil, juro. É bem servido o negócio, como tudo na Itália. Ou você pode pedir uma bola com ‘panna’, que é o chantilly deles, mas muito mais maravilhoso do que o que estamos acostumados. O sabor que eu mais gostei foi o Crocante della Nonna, que é uma espécie de sorvete de creme com avelãs caramelizados no meio. Só de lembrar já me dá água na boca! Mas a seleção de sabores são bem variadas, inclusive as de chocolate, e você pode pedir para provar antes de fazer a sua escolha.

La Romana
Corso Sebastopoli 190
Corso Inghilterra 31/A
Via Madama Cristina 73/A

4. Aperitivo em Turim

Pelos bares e até mesmo alguns cafés de Turim você verá uma plaquinha escrita: “Aperitivo”. E se algum turinense te convidar para um ‘aperitivo’, ele estará te chamando para tomar um drink. Na Itália esse é um costume bem comum, principalmente no Norte e em Turim, a casa da Campari, famosa por seus ‘aperitivi’. Os aperitivos aqui vêm acompanhados de petiscos. Então, quando você pedir um Aperol Spritz ou Negroni (típicos aperitivos italianos e turineses), não se assuste se o garçom chegar na sua mesa com um prato com algumas comidinhas. Você não pagará mais por isso e o valor já está embutido na bebida. É tradição, e com tradição não se discute!

Comer em Turim

Os italianos jantam tarde, comparado a outros países da Europa. Os jantares são em torno das 20h30 e os aperitivos costumam ser uma espécie de happy hour para eles. Aquela bebericada antes do jantar para abrir o apetite, sabe? Aproveite, esta é a melhor hora de bebericar e aproveitar para também comer em Turim!

5. Jantar típico Piemontese

Eu já vou avisando, se você é aquela louca da dieta, reveja os seus conceitos antes de ir para a Itália. Porque dieta é o tipo de negócio que não funciona muito nesse país. A não ser uma dieta de engorda, aí sim, pode se jogar com alegria! Hahaha.

O Tromlin é um local muito típico, um delicioso restaurante em Turim com comida piemontesa, o qual eu recomendo de olhos fechados. É necessário fazer reserva, pois é uma casinha pequena, com poucas mesas e zero rotatividade entre clientes durante o turno. Eles só atendem um número fechado de pessoas por dia e você vai entender o porquê quando for lá.

O cardápio é único, mas você pode explicar as suas restrições alimentares quando for fazer a reserva. Se você não fizer isso, não vai ter comida pra você! Você paga um preço fixo e neste valor está incluído toda a refeição, com sobremesa, água, vinho e uma variada gama de digestivos (os licores que eles tomam no final das refeições).

São uns 7 pratos no total, que eles vão servindo e servindo, como se fosse um rodízio. Mas todos do restaurante comem juntos na mesma sequência. Então, eles chegam e vão repondo as mesas com os novos pratos. Nem ouse querer repetir um dos pratos, porque a coisa só vai melhorando com o passar dos pratos e, no final, você vai estar a ponto de explodir. Acredite, eu sou boa de garfo! E vinho, muito vinho bom da região: Barolo, Nebiolo, Barbera… A seleção do vinho depende da seleção de pratos do dia e são eles que vão escolher. Apenas confie e vá com a cabeça e estômagos abertos para esse gracejo. O valor é 38 euros por pessoa e vale cada centavo gasto.

Tromlin
Via alla Parrocchia, 7
+39 339 232 0803

6. Pizza em Turim

E, como tudo acaba em pizza, eu não poderia deixar de dar uma sugestão de uma boa pizza para comer em Turim!

Vai ser bem difícil você achar uma pizza ruim em Turim ou na Itália, mas esse lugar é aquela típica pizzaria de bairro, onde as famílias italianas fazem fila para comer em Turim nos fins de semana e, inclusive, durante a semana. A pizzaria La Sueva é um negócio familiar simples, tem um preço muito econômico, vão bem poucos turistas, mas tem um capricho ímpar. Lugar perfeito para comer em Turim.

Comer em TurimFoto: La Sueva

As pizzas na Itália são individuais, do tamanho de um prato, talvez um pouco maiores. Não tem dessa de pedir pizza por tamanho. Você pode até dividir, se quiser, mas geralmente cada pessoa come uma pizza. Nessa pizzaria, uma pizza custa em média de 5 a 8 euros e eles oferecem também a farinata, que é uma espécie de entrada. Uma massinha feita de grão de bico, como uma pizza, assada. É bem leve e algo bem típico de Turim também. A farinata custa 4 euros e essa sim é para ser dividida. Uma boa pedida é pedir também o vinho da casa, que vem num jarro de 1/4L ou 1/2L (6,50 euros). De sobremesa eu recomendo o tiramisù, minha sobremesa favorita italiana, que nesse restaurante custa 4 euros.

La Sueva
Via Duchessa Jolanda, 32
+39 011 434 6067

7. Os famosos frios italianos para comer em Turim

Se você quiser ter uma experiência tipicamente italiana, recomendo visitar o mercado de Turim, que fica na Porta Palazzo. É bem central, perto da Catedral da cidade. A feira da Porta Palazzo é a maior feira aberta da Europa e você vai se impressionar com a variedade de frios, carnes, queijos e tomates (de todas as cores) que verá por lá. É uma feira que tem de tudo, tudo mesmo. E os preços são muito econômicos. Por ser sempre muito cheia, recomendo cuidado com bolsas e carteiras, ok?

Comer em Turim

Ali você pode comprar os queijos típicos mais deliciosos da região por preços muito bons, assim como salames e frios que só a Itália é capaz de te oferecer. Realmente uma experiência que merece ser vivida!

Links úteis para viajar pela Itália

Aqui vai uma lista com alguns links interessantes para te ajudar com a sua viagem pela Itália. E se pintar alguma dúvida, já sabe, mande uma mensagem aqui no blog que será um prazer te responder!

Antes de mais nada, veja alguns roteiros interessantes escritos para quem vai pra Itália:

Além destes roteiros, aqui vai uma lista com dicas de algumas cidades:

Claro que tem muito mais posts, então para ler todos os posts sobre a Itália, é só clicar aqui neste link.

Se você vai viajar de carro pela Itália, talvez valha a pena dar uma lida neste post com dicas para alugar um carro pela Europa. Lembre-se de que o trânsito na Itália é meio nervoso e talvez seja prudente olhar com antecedência as tarifas das locadoras e comparar seguros, preços e condições. Sugiro sempre comparar pelo site da Rental Cars que já coloca todas as locadoras de uma vez juntas.

Recentemente eu descobri a Seguros Promo para quem precisa cotar seguro de viagens ao redor do mundo. Achei os preços deles ótimos e eles dão 5% de desconto para os leitores do blog se você fizer o seguro através deste link aqui.

Procurar um hotel na Itália pode ser meio complicado, aqui vai uma lista com as melhores opções de hotéis para ficar em algumas cidades italianas:

Se ainda assim precisa de ajuda, eu fiz este post com algumas dicas para economizar na hora de reservar um hotel. Eu sempre recomendo o uso do Booking.com como ferramenta para comparar tarifas e reservar as melhores ofertas.

Outra ferramenta legal para encontrar passeios e tours é a Get Your Guide. Essa é uma empresa que seleciona tours em todo o mundo e você pode reservar os passeios com antecedência sem sair de casa. Os preços deles são ótimos e tem muita coisa em Português, como por exemplo, este tour completo do Vaticano.

Finalmente, quem estiver viajando pela Itália, não pode perder a oportunidade de comer um “Aperitivo“, que é tipo a nossa "happy hour" mas com comida grátis inclusa - ou quase grátis. E claro, ninguém pode deixar de provar a pizza na Itália, né?