Este texto foi escrito pelo Loris, um italiano que fez sua primeira viagem pelo Brasil em agosto de 2014. Ele gostou tanto do que viu que resolveu escrever um texto sobre as suas impressões. Algumas coisas me fizeram pensar sobre o Brasil de uma outra forma. Outras, me emocionaram! Afinal, a gente tem mesmo que sentir orgulho da quantidade de coisa linda que, aos olhos de um estrangeiro são ainda mais impressionantes! Coisas que às vezes a gente nem dá bola, né?! Olha aí o que ele disse:

Ah, o Brasil!

“O Brasil tem algo a mais que sempre me fascinou. Nos últimos anos eu escutei várias histórias de amigos e parentes que visitaram o país. Quase todos foram profundamente modificados pela experiência. As histórias deles me passavam a impressão que o Brasil não era somente um país distante e exótico. Mais que isso, parecia um país capaz de concentrar um conjunto de sentimentos e sensações diferentes, quase todas pouco conhecidas na cultura europeia. Entre eles, a alegria de viver que os brasileiros possuem. E também aquele indescritível sentimento de sentir falta de algo, a saudade, que só os brasileiros conhecem.” Ai gente, não é fofo?!

“Esta viagem me inspirou a escrever uma lista com as coisas que eu mais amei sobre o país.
Então aqui vão as 5 razões para amar o Brasil:

1. As pessoas

EBA! Começamos bem!
Brasileiros não são apenas negro ou branco. Eles são também todas as tonalidades entre estes dois! As pessoas no Brasil são descendentes de portugueses, italanos, africanos, japoneses, libaneses e tantos outros. O resultado é essa mistura única de culturas e etnias. Os brasileiros são simplesmente bonitos. Eles são amigáveis, gentis, são gente família. Ah, e eles também gostam de festa!”

Imagen

2. As cores

Esta eu concordo também! Viva o verde com amarelo! Roxo, azul, vermelho, laranja, fúcsia, salmão…
O Brasil tem paisagens memoráveis. Acredita-se que as cores da bandeira representam a riqueza do país natural: claro céu azul, praias de areia dourada, belas florestas verdes. Como fotógrafo, eu me esforcei para captar essas cores nas fotos que tirei!

Imagen

3. O clima

Ah se o Brasil pudesse exportar sol…
A maior parte do Brasil fica entre a linha do Equador e o trópico de capricórnio. Até mesmo no inverno a temperatura fica ao redor de 20 e 30 graus – dá um desconto que ele não foi pro sul né! Desfurtar um fim de semana de inverno na praia semi-deserta tomando água de coco não tem preço!

Imagen

4. A comida

Putz! Esse é meu ponto fraco… Bendita seja a nossa feijoada!
“Brasileiros exageram quando o assunto é comida. No entanto, nada de comida light! A comida é feita com um simples objetivo: ser gostosa. Eu provei várias especialidades locais: pastel, coxinha, bolinho de bacalhau, pizza paulistana, só para mencionar alguns. No Brasil a quantidade realmente importa. Nos churrascos é absurda a quantidade de carne que se come! Falando nisso, o prato que mais me chocou doi o sanduíche de mortadela! Acredito que isso deve ter sido importado da Itália, já que o sanduíche é também bastante popular por lá. Mas os brasileiros poem 10 vezes mais mortadela num único sanduíche!” Hahaha no mercadão de São Paulo é assim mesmo! Tadinho, só provou gordice!)

Imagen

5. A música

E viva a nossa criatividade musical!
“A cena musical brasileira é incrivelmente heterogênea! A MPB com suas raízes no começo do século 20, compreende vários sub-gêneros. O samba, imponente, tem show ao vivo em vários lugares todo o ano! Eu gostei muito da Bossa Nova e do Tom Jobim em particular. Suas canções são simples, de uma simplicidade desarmante; sempre equilibrando entre a alegria, calma e melancolia. Entre os artistas contemporâneos, eu gostei especialmente da Céu e do trio Azymuth. A música é moderna e cheia de swing!”

Imagen

E ai, gostou da listinha?!

Achei uma graça as palavras do italiano! Obrigada, Loris, por este presentinho mais fofo!
Ah, as fotos deste post são do Loris também, e para ver todas as fotos que ele fez nesta viagem, clique aqui.

Links úteis para a sua viagem

Aqui vai uma lista com alguns links interessantes para te ajudar com a sua viagem. Se tiver dúvida, é só fazer um comentário que eu responto!

Para encontrar um hotel bom e barato, eu uso o Booking.com. Mas eu tenho alguns truques aqui neste post com dicas para economizar na hora de reservar um hotel.

Outra ferramenta legal para encontrar passeios e tours é a Get Your Guide. Essa é uma empresa que seleciona tours em todo o mundo e você pode reservar os passeios com antecedência sem sair de casa. Os preços deles são ótimos e tem muita coisa em Português! Além dessa, eu uso bastante a Tiqets, que tem a vantagem de dar os bilhetes no celular, sem precisar imprimir.

Para quem viaja de carro, aqui vai um post com dicas para alugar um carro pela Europa. A lógica é parecida para outros continentes. Para comparar as tarifas das locadoras, eu uso o site da Rental Cars que já coloca todos os preços juntos e poupa um tempo danado!

Recentemente eu descobri a Seguros Promo para quem precisa cotar seguro de viagens ao redor do mundo. Como o seguro de viagem é obrigatório para muitos lugares, eles dão boas ofertas e 5% de desconto para os leitores do blog se você clicar neste link aqui.


Booking.com